segunda-feira, 14 de outubro de 2013

Sangue de Ísis




O Sangue de Ísis é uma gema muito popular no Egito e também na Europa, Japão e Birmânia. Era usada como amuleto de proteção e oferecida aos deuses. É quase certo que foi utilizada, também, no peitoral de sumos sacerdotes. Acredita-se que esta pedra conecta-se com a energia de Ísis, o princípio divino feminino.
A deusa Ísis era tanto uma poderosa sacerdotisa com poderes sobre a  vida e a morte e era o arquétipo da mãe e esposa devotada. Todas os anos, em sua homenagem, um grande mistério era apregoado: do nascimento, da morte e da regeneração. Meditar ou dormir com essa pedra sob seu travesseiro invoca uma profunda conexão ao universo feminino e com a deusa e também ajuda a remover os véus de Ísis para alcançar clareza espiritual e visão verdadeira.Por ser ,atualmente, uma raridade só encontrada no Egito e no Mar Vermelho,  o Sangue de Ísis é uma pedra com valores altos.
Os joalheiros do rei Afonso X, conhecido como o "sábio da Espanha", traduziram um texto árabe de conhecimentos muito antigos, chamavam o Sangue de Ísis de " a pedra do sono" e também lhe atribuíram a qualidade de emitir luz.Dizia-se que tinha o poder de causar profundo estupor e, por isso, era conhecida como analgésica, especialmente durante cirurgias.
Espiritualmente, essa pedra ajuda a relembrar partes de nós esquecidas ou perdidas durante a vida. Ela facilita o casamento interior , unindo nossas qualidades masculinas e femininas e é muito útil para os homens que perderam a criatividade, desenvolvendo seu lado psíquico feminino.
Psicologicamente, o Sangue de Ísis é uma excelente pedra para promover o perdão. Os antigos egípcios usavam essa pedra para aclamar a raiva, o ciúme, a inveja e outros sentimentos negativos. A deusa Ísis perdoou sua irmã que lhe roubou o marido e seu cunhado que o matou. Por conhecer quanto as tristezas podem ser profundas, utilizava essa pedra para acalmá-las, amenizar as perdas e promovendo aceitação dos ciclos da vida.
Fisicamente, esta pedra é muito útil na menopausa, especialmente para as mulheres que lamentam a perda da fertilidade e ,também, para aliviar a "síndrome do ninho vazio", conectando-as a novos propósitos e tornando-as uma mulher sábia.
É tradicionalmente usada para aliviar as doenças sanguíneas e os problemas com os órgãos reprodutores. Acredita-se que ajuda nos sintomas na TPM, da menopausa e infertilidade.

Obrigada pela visita!
*Fonte: The Crystal Bible, vol 2


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário que, assim que possível, o responderemos! Obrigada pela visita!