quarta-feira, 19 de outubro de 2011

2º Sorteio Pura Joia!





2º Sorteio Pura Joia está começando hoje, 19 de outubro, e vai até às 20:00 horas do dia 5 de novembro de 2011.
O prêmio é este brinco indiano de prata 925 com Lápis-Lazúli.
É muito fácil participar! Acesse o link abaixo, clique em "quero participar" e curta a página de nossa loja no Facebook!

Boa sorte!
Obrigada pela visita!





domingo, 9 de outubro de 2011

História da joalheria indiana

Ouro, prata e pedras preciosas marcam a joalheria indiana



A gloriosa história da Índia afetou  todos os aspectos do estilo de vida indiano e as joias se mantém, até hoje, parte integrante do estilo indiano de vida. Desta forma, a diversificada história indiana influenciou, também,  os estilos das joias daquele país. Surpreendentemente, a história da joalheria indiana teve seu início  há quase cinco mil anos e, desde os tempos pré-históricos, os indianos tem se adornado com joias de vários tipos. 
Pedras preciosas, ouro, prata e contas têm definido os estilos indianos na joalheria, estilos que variam muito de acordo com a região. Diferentes estados possuem estilos diferentes de joias indianas e que não são encontradas em outros lugares, ou seja, são exclusivas daquela região. Por exemplo, o delicado trabalho de filigrana em prata é exclusivo dos estados de Orissa e Andhra Pradesh. Já o trabalho de esmaltação das joias (Meenakari) é muito popular no Rajastão e assim por diante.  
A joalheria indiana possui grande variedade de ornamentos para quase todas as partes do corpo. Nos tempos antigos as pessoas costumavam se adornar com colares, tornozeleiras e aneis feitos de pedras brutas e metais.Com o passar do tempo, as pessoas aprenderam a arte de polir metais, como prata e ouro, e a extrair pedras preciosas e semi-preciosas. À medida que vários impérios se sucederam, os reis usavam ricas joias que lhes davam a aparência de deuses. Essas joias, colares, pulseiras, aneis, brincos, coroas, tornozeleiras,   eram todas feitas em ouro e adornadas com pedras preciosas.

Mumtaz Mahal e Shah Jahal

A Índia foi sendo governada por diversos impérios ao longo dos anos e cada um desses impérios deixou uma marca indelével sobre o estilo das joias. Os Mughals deixaram seu estilo distinto de usar pedras preciosas e entalhes. Os Rajputs, o estilo de esmaltar as joias. Ao longo do tempo e da história,  as joias indianas evoluíram como arte.Entretanto, a história da joalheria indiana enfrentou os altos e baixos das diversas dinastias. As joias da civilização do Vale do Indo região que, atualmente, faz parte do Paquistão e não mais da Índia, retratam riqueza e profusão e, tais joias, eram usadas por homens e mulheres.As obras desse período são incomparáveis e os enfeites eram feitos de ouro, prata, cobre, marfim, cerâmica e contas. A joias indianas antigas espelham o carisma dos artistas durante os períodos Gandharva e Sunga sendo que, esses ornamentos, apresentam fortes influências gregas ou helênicas.
Com a chegada da Dinastia Sunga,o design das joias indianas mudou. O uso do ouro e de pedras preciosas como rubi, ágata, coral e safira,toraram-se mais frequentes e deram às joias um ar mais refinado.Devido às invasões mongóis, o design e o conceito das joias indianas sofreram uma transformação. Por exemplo, durante o reinado de Akbar, as joias foram confeccionadas com características das artes hindus e iranianas. Shah Jahan, o responsável pela construção do Taj Mahal, mausoléu dedicado à sua esposa predileta, Mumtaz Mahal, influenciou-se pela arte holandesa e foi, nesta época, que joias para tornozelos, braços, pescoço, cabeça (turbantes), pernas, mãos e rosto, foram introduzidas. O Rajastão era o local onde as joias em ouro eram confeccionadas sendo que, as tornozeleiras usadas pelos homens, era demonstração de nobreza e riqueza. 
Atualmente, existem joias indianas de todos os tipos, desde modelos religiosos até para simples adornos e são conhecidos e desejados em todo o mundo. A joalheria indiana é confeccionada não somente para os seres humanos, como também para os deuses. No mundo moderno, apesar dos novos e sofisticados estilos que surgiram, o design antigo continua em voga e é, ainda, o mais procurado. No mercado indiano contemporâneo, encontramos uma bela combinação de joias tradicionais e modernas, em prata e ouro, decoradas com pedras preciosas que nunca deixam de atrair compradores e admiradores.

Tradicionais ou modernas, as joias indianas continuam sendo objeto de desejo 




Obrigada pela visita!

Em breve, o Segundo Sorteio Pura Joia!

Conheça nossas joias:






quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Breve história dos cristais

Desde os tempos mais remotos, os cristais são usados pelos seres humanos.


Os cristais aparecem na história da humanidade há milhares de anos. Usados em decoração, como amuletos ou ferramentas de cura, a eles também foram conferidos poderes espirituais. A utilização dessas mágicas criações da natureza estão relatadas nas histórias das principais e mais avançadas civilizações, como a egípcia, romana, etc.
A cura através dos cristais é  antiga e poderosa e, os mais antigos relatos e conhecimentos desta prática, datam de mais de três mil anos, com os antigos egípcios.Para eles, cristais e pedras preciosas eram indispensáveis na coleção de instrumentos de cura dos médicos de então. E eles os usavam, também, como talismãs de proteção. Os egípcios criaram um sistema particular de identificação dos cristais e associaram as cores de cada um com uma determinada habilidade mágica.Já no Império Romano, as gemas foram associadas a palavras de poder para que suas energias fossem aproveitadas.
Supunha-se, nos tempos antigos, que os cristais e pedras preciosas haviam sido criados de forma sobrenatural e, consequentemente, seus poderes também seriam sobrenaturais.Esta crença não se limita aos egípcios ou romanos mas, também, aos cristãos, druidas europeus e índios nativos americanos. Os povos antigos colocavam suas pedras em locais estratégicos da casa, usavam-nas como talismãs ou em joias. E,até hoje, quando realizamos essas práticas, obtemos desses intrigantes minerais, o equilíbrio das energias do corpo, do espírito e da mente.

Usados na cura, na meditação, como proteção e em adivinhações.

Os cristais podem ser usados para sugar as energias negativas e transformá-las em positivas. As pedras são os canais que conduzem a energia. As energias do corpo estão contidas em chacras ou pontos energéticos do corpo. Há sete chacras e,cada um deles, possui uma função específica e energética. As energias de uma pessoa refletem seus desafios e lutas durante a vida, sua fé em um poder maior e os valores da vida aos quais ela se agarra. 
Uma pessoa com as energias em baixa ou dominada pelas energias negativas se sente cansada e por baixo o tempo todo e, muitas vezes, podem adquirir doenças devido à essas energias.Inclusive a Bíblia faz menção aos cristais, mais de 200 vezes! Uma das mais notáveis encontra-se no Êxodo. Aarão, irmão de Moisés, teria sido instruído, por Deus, a fazer um peitoral com doze pedras preciosas para proteção e sabedoria: sárdio, topázio, esmeralda, turquesa, safira, diamante, jacinto, ágata, ametista, berilo, ônix e jaspe. 
As pedras preciosas e os cristais tem sido usados em rituais e na magia, na cura, na medicina, na tecnologia, como oferendas e como moeda em transações,como proteção,  por videntes e adivinhos, para se obter saúde, riqueza, amor e como presentes e itens de beleza. 

Os cristais estão presentes na astrologia e nos versos sagrados hindus

A antiga cultura da Índia é uma fonte rica de informações sobre os cristais. Documentos astrológicos, datados de 400 a.C., contém observações detalhadas sobre o poder de várias pedras para neutralizar os efeitos negativos de energias planetárias. Para os hindus, as pedras teriam grandes poderes espirituais e emocionais, como a Pedra da Lua, por exemplo, que é uma pedra sagrada e que atrai o amor. O Ônix, ao contrário, teria o poder de ajudar a liberar os laços com velhos amores. E, o Rubi, era uma pedra preciosa muito valorizada pois era considerada como "rei das Pedras".A conexão entre os seres humanos e os cristais é especialmente destacada, nos seguintes versos Vedas ( textos sagrados hindus):

"Existe uma infinita rede de fios
Através do Universo
Os fios  horizontais estão no espaço
Os fios verticais estão no tempo.
Em cada cruzamento dos fios
Há um indivíduo.
E cada indivíduo
É uma gota de cristal.
A grande luz de ser absoluto
Ilumina e penetra
Cada conta de cristal e, também,
Cada conta de cristal reflete
Não apenas a luz
De todos os outros cristais na rede,
Mas também, cada reflexão
De cada reflexão
De todo o Universo".



Obrigada pela visita!

Em breve, o Segundo Sorteio Pura Joia!

Conheça nossas joias:





terça-feira, 4 de outubro de 2011

Cornalina, atrai a abundância!

Colar egípcio em ouro e Cornalina, que pertenceu à esposa do faraó Thutmose III, que reinou entre 1479-1425 a.C


A Cornalina nos centraliza e nos ancora na realidade presente. É uma pedra da família da Calcedônia e  possui elevada energia estabilizadora. Ela é excelente para restaurar a vitalidade e a motivação e para estimular a criatividade, além de ser muito útil para as atividades dramáticas sendo que, muitas vezes é chamada de "pedra dos atores". Uma das habilidades especiais da Cornalina é atuar como purificadora de outras pedras. 
Os antigos egípcios a combinavam com a Turquesa e com o Lápis-Lazuli para potencializar suas habilidades. Arqueólogos encontraram vestígios do uso da Cornalina em vários pontos do mundo, da Ásia à Europa e ao Oriente Médio. Altamente valorizada, era usada pelos romanos em sinetes e aneis e foram usadas, ainda no antigo Egito em suas magias para proteger os vivos e os mortos.
Psicologicamente, a Cornalina confere aceitação ao ciclo da vida e remove o medo da morte. Nos tempos antigos, ela era usada para proteger os mortos em sua jornada para além-vida. A Cornalina proporciona coragem, oferece escolhas positivas para a vida , dissipa a apatia e motiva para os negócios e outros assuntos. Esta pedra é muito útil para se superar os abusos de todos os tipos. Ela ajuda a ter confiança em si próprio e nas suas percepções, ajuda a superar os condicionamentos negativos e estimula a perseverança.

Fertilidade, abundância e proteção!

Mentalmente, a Cornalina desenvolve as habilidades analíticas e clarifica a percepção. Ela remove pensamentos estranhos durante a meditação e sintoniza os devaneios para dentro da realidade do dia a dia. Este cristal aguça a concentração e dissolve a letargia mental. Emocionalmente, é um protetor muito poderoso contra a inveja, a raiva e o ressentimento, tanto de quem a porta quanto dos outros. Ela acalma o ódio e bane a negatividade emocional, substituindo-a por amor à vida.
A Cornalina é cheia de força e vitalidade e estimula o metabolismo. Ela ativa o chacra base, influencia os órgãos reprodutivos femininos e aumenta a fertilidade. Esta pedra ajuda a superar a frigidez e a impotência, auxilia na cura de problemas nas costas, especialmente, os que ocorrem na parte inferior. A Cornalina, ainda, é muito eficiente contra o reumatismo, nevralgia e na depressão, principalmente nas pessoas com mais idade. Ela regula os fluidos sanguíneos e os rins, acelera a cura dos ossos e ligamentos e ajuda a estancar sangramentos. Esta pedra, encontrada com facilidade, melhora a absorção de vitaminas e minerais e assegura um bom suprimento de sangue para os órgãos e tecidos.
Encontrada na Grã-Bretanha, Índia, República Tcheca, Eslováquia, Peru, Islândia e Romênia, a Cornalina pode ser vermelha, laranja, rosa e marrom. Pequena e translúcida, a Cornalina, quando colocada perto da porta de entrada , invoca proteção e convida a abundância a entrar em sua casa. Ela acalma os temperamentos e ajuda a ter senso de humor.Pedra do signo de Virgem, a Cornalina é excelente para ajudar na tomada de atitudes e decisões. Desenvolve a compaixão, a memória, harmonia,a auto-estima  e a felicidade.

Cores específicas e suas indicações:

Cornalina Rosa: melhora os relacionamentos entre pais e filhos, ajuda a resgatar o amor e a confiança após abusos ou manipulação.
Cornalina Vermelha: aquece e energiza e é, particularmente, útil para combater a preguiça e para revigorar o corpo e a mente.

Dissipa a raiva, o ódio, e a inveja!


Obrigada pela visita!

Em breve, o Segundo Sorteio Pura Joia!

Conheça nossas joias:




segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Okenita, a pedra da verdade!

Okenita: suavidade e proteção!

A Okenita possui uma energia suave e é uma das pedras da Nova Era. De coloração branca, a Okenita parece uma bola de neve macia  e é uma pedra muito frágil. Originária da Índia, esta pedra nos conecta com nosso "eu superior" e elimina os obstáculos do caminho, promovendo vigor para terminar as tarefas da vida. Frequentemente chamada de a pedra "quente" por proporcionar sentimentos de calor  e conforto, a Okenita incentiva seu portador a perdoar a si mesmo e aos outros e ameniza a negação.
Esta pedra alivia a dureza da verdade e ajuda a acabar com maus hábitos de todos os tipos. A Okenita ajuda-nos a ir até o final e chama a atenção para as experiências atuais, fazendo-nos entender e aceitar a atual encarnação de forma tranquila. Ela aponta os débitos cármicos e oportunidades que podem nos ajudar a crescer e ajuda na compreensão de como o passado cármico produziu o presente e em como o presente poderá criar o futuro. A Okenita pode, também, facilitar a cura cármica profunda em todos os níveis.

Pedra da verdade e da bondade cármica!

A Okenita pode ser usada para facilitar a comunicação de uma alma desencarnada, através da voz e da mente de um ser encarnado e para purificar os chacras, corpos físico e sutis, unindo todas essas energias. Este cristal possui dupla ação: como pedra da verdade, ela estimula a veracidade em seu portador e protege da aspereza que pode surgir quando outros falam de suas próprias verdades. Ela nos ajuda a aceitar, com amor, as brincadeiras verbais feitas por outras pessoas, mostrando que,às vezes, há alguma verdade no que é dito nestas brincadeiras sobre nós e que estas podem ser aceitas.
Psicologicamente, a Okenita promove a realização dos ciclos cármicos, fazendo-nos ir até vidas passadas para perdoar-nos de nossos erros, aliviando a culpa cármica. Esta é uma pedra de bondade cármica que nos ensina que tudo é parte do aprendizado do ciclo das lições que a alma deve percorrer e, assim, promove nosso crescimento a partir deste conhecimento, demonstrando que nada deve durar para sempre. Quando tivermos feito tudo que nos for possível, poderemos sair de uma situação sem dívidas cármicas.
Mentalmente, esta pedra branca e suave, facilita a mudança do cenário mental, liberando velhos padrões e trazendo novos, com crenças apropriadas. A Okenita é útil pata todos aqueles que estão presos aos votos de  castidade de vidas passadas. Este cristal estimula o fluxo de sangue e de leite durante a amamentação e, também, a circulação. A Okenita abaixa a febre e alivia as desordens nervosas e, como elixir, trata de erupções. 

Conexão com o Eu Superior


Obrigada pela visita!

Em breve, o Segundo Sorteio Pura Joia!

Conheça nossas joias:


   


domingo, 2 de outubro de 2011

Zircão, a pedra da virtude!

Considerado o cristal mais antigo do planeta


Antigamente, o Zircão era utilizado para proteção contra roubos, relâmpagos, lesões corporais e doenças em geral. Cada cor que apresenta ressoa com um chacra diferente e promove amor incondicional por si mesmo e pelos outros. O Zircão harmoniza sua natureza espiritual com a terra e promove o alinhamento dos corpos físico e sutis. O Zircão ajuda-nos a reconhecer que somos seres espirituais em uma jornada humana e destaca a unidade da qual todos somos provenientes. 
Esta pedra de discernimento psicológico, reúne os opostos e estimula a tenacidade. Mentalmente, o Zircão favorece o pensamento claro e ajuda a separar o que é importante do que não é. Superando o racismo e o preconceito, ela nos ensina a fraternidade e dissipa do corpo emocional as marcas da discriminação, vitimização, homofobia e misoginia, desta e de outras vidas. 
Emocionalmente, o Zircão ensina a lealdade e é conhecida como pedra da virtude e, tradicionalmente, foi usada em testes de celibato. Benéfico para sinergia, ciática, câimbras, insônia, depressão, ossos, músculos, vertigem, fígado e irregularidades menstruais, o Zircão é encontrado nas cores amarelo, verde, azul, violeta, marrom, vermelho, laranja e rosa.

Virtude, fraternidade e proteção

O Zircão pode causar tontura naqueles que usam marcapasso ou são epiléticos. O Zircão fortalece a sabedoria e estimula o respeito em relação não só às pessoas mas, também, aos lugares, objetos e situações. É associado ao chacra de base e ao chacra do plexo solar, equilibrando e combinado as energias destes chacras.
O Zircão ajuda-nos a enxergar a verdade e é uma ferramenta eficaz para aliviar a dor. Este cristal, encontrado no Brasil, Austrália, Estados Unidos, Sri Lanka, Ucrânia, Canadá,etc,  pode receber tratamento térmico para realçar suas cores ou, ainda, pode ser produzido artificialmente e algumas de suas cores não são facilmente encontradas na natureza. O Zircão possui intensas energias espirituais e tem a capacidade de levar as energias dos chacras superiores aos inferiores.
Este cristal possui forte energia de cura e vibração de ancoragem espiritual muito eficaz.Considerado o cristal mais antigo do mundo com, aproximadamente, 4,4 bilhões de anos, o Zircão deve seu nome ao idioma persa.
Cores específicas e suas propriedades:

Zircão Marrom: muito útil para ancoragem e centralização.
Zircão Vermelho: empresta vitalidade ao corpo, particularmente, durante períodos de stress. Adiciona poder a rituais que tem como objetivo criar fortuna e riqueza e ativa a libido e o chacra base.

O Zircão possui intensas energias espirituais

Zircão Laranja: é um talismã eficiente para se usar durante viagens, já que protege contra acidentes. Este cristal aumenta a beleza e protege contra a inveja e estimula o chacra sacral e a criatividade.
Zircão amarelo: ajuda a atrair o sucesso nos negócios e no amor e eleva a energia sexual. Ameniza a depressão e torna seu usuário mais alerta. Esta cor ativa e limpa o chacra do plexo solar.
Zircão verde: atrai abundância e estimula o chacra do coração.

Ajuda a superar as marcas deixadas pela discriminação


Obrigada pela visita:

Em breve, o Segundo Sorteio Pura Joia!

Conheça nossas joias:




sábado, 1 de outubro de 2011

Cerussita

Criatividade, vitalidade e comunicação


Esta é uma pedra que ajuda a nos sentirmos centrados, confortáveis, capazes, versáteis e confiantes diante dos desafios da vida. É excelente para ser usada por aquelas pessoas que sentem que a Terra não é seu lar,  ameniza a saudade e a nostalgia e faz com que a alma sinta-se em casa em qualquer lugar. A Cerussita é uma pedra que proporciona graciosidade, habilidades de comunicação e nos transforma em bons ouvintes. 
A Cerussita proporciona  clareza psicológica  e nos sintoniza com a sabedoria superior e com os propósitos cármicos. Este cristal nos mostra o que pode ou não ser mudado e nos encoraja  a crescer em todas as áreas de nossas vidas. Como pedra de centralização, a Cerussita equilibra os hemisférios esquerdo e direito do cérebro e estimula a criatividade. Usada durante a meditação, a Cerussita revela os segredos únicos que estão guardados só para você.
Este cristal translúcido, que pode ser cinza, cinza-escuro, amarelo ou branco, pode ajudar na comunicação extraterrestre e na exploração de vidas passadas, capacitando-nos a reconhecer pessoas que já fizeram parte de nossas vidas anteriores e os lugares que detém no presente. A Cerussita explica  porque  escolhemos vir para a Terra, as lições que estamos aprendendo, as tarefas que devemos realizar e os dons que temos para ajudar na evolução da humanidade.
A Cerussita ajuda a deixar o passado e seus efeitos para trás e é muito benéfica quando usada durante viagens, tanto nas viagens de negócios ou lazer, reduz os efeitos dos fusos-horários e auxilia na adaptação a outras culturas. Esta é uma ótima pedra para se usar em compromissos de curto prazo e na adaptação de novas situações, nas quais encontramos forte resistência interior.
Esta é uma pedra pragmática que favorece a tomada de decisões e estimula o crescimento, ensinado-nos a sermos mais flexíveis e responsáveis. A Cerussita alivia a tensão e ansiedade e, ainda, substitui o comportamento introspectivo pela extroversão. É uma pedra excelente para todos aqueles que estão engajados nas artes.
O elixir de Cerussita possui propriedades inseticidas e pode ser borrifado em casas que tenham plantas ou  nos quartos para proteger de pestes e doenças. Ela é uma pedra maravilhosa para transmitir vitalidade e energia, especialmente, onde a presença de uma doença é persistente. Ela alinha o sistema nervoso, tratando os movimentos involuntários, fortalecendo os músculos e os ossos. É uma  ferramenta excelente para ser usada como auxiliar nos tratamentos do Mal de Parkinson  e da Síndrome de Tourette (distúrbio neuropsiquiátrico caracterizado por tiques múltiplos, que se prolongam por mais de um ano e que se iniciam na infância).A Cerussita, originária da Namíbia e Estados Unidos,  alivia a insônia e dissipa os pesadelos.

Estimula o crescimento e a tomada de decisões


Obrigada pela visita!

Em breve, o Segundo Sorteio Pura Joia!

Conheça nossas joias: